Docentes da Uesb estão cada vez mais próximos de deflagrarem greve. A assembleia realizada nesta quinta-feira (21) aprovou sem votos contrários o estado de greve, momento político que antecede a suspensão de atividades da categoria.