EXECUÇÃO: Cuidadora de pacientes no Hospital de Base é morta a tiros; vítima foi assassinada na porta de casa


TEXTO EM ATUALIZAÇÃO

A polícia ainda desconhece a autoria do crime que vitimou a cuidadora de idosos Eliete da Silva Rocha, morta a tiros na noite desta terça-feira (15), no Bairro Vila América, zona de sul de Vitória da Conquista, a 509 km de Salvador. Fontes complementam as informações, dizendo que era filha de "Mário Pintor" e antiga moradora do Bairro Guarani.

Também há informações de que a vítima teria sido estuprada há alguns meses. "Quando foi estuprada, o acusado foi preso. Quem sabe não foi ele quem matou", comentam nos grupos de zap. Recentemente ela teve seu irmão assassinado no interior da casa da família.

O crime que vitimou a mulher ocorreu no momento que a ela estava chegando em casa, na Rua 7. Testemunhas dizem ter escutado barulho de quatro disparos. A mulher foi surpreendida pelo o assassino no portão e morta à queima-roupa.
Moradores da localidade informam que a vítima vendia lanches na porta do Hospital Regional de Base, nesta cidade. Outros informam que ela complementava a renda como cuidadora de pacientes idosos, também na unidade.

Equipes de PMs da Rondesp isolaram o local para os trabalhos da perícia técnica.

PUBLICIDADE