FAKE NEWS - Corpo encontrado às margens de rodovia não foi vítima de confronto com a PRF; saiba a verdade sobre a postagem

Um áudio, acompanhado de imagens mostrando um corpo de um homem vestindo camiseta escura, indicando ter sido o mesmo vítima de confronto com a Polícia Rodoviária Federal (PRF), é mais uma notícia falsa (fake news) que poluem as redes sociais.

Segundo a postagem irresponsável, o homem teria sido morto numa ação de desbloqueio de rodovia na manifestação dos caminhoneiros, mas restou apurado que trata-se de um jovem, vítima de homicídio na cidade baiana de Capim Grosso.

Procurada para se posicionar sobre as postagens, a PRF encaminhou nota de esclarecimento ao Sudoeste Digital.

* Nota de esclarecimento*

A Polícia Rodoviária Federal esclarece que não procede a informação, que vem sendo divulgada em redes sociais e alguns meios de comunicação, que traz duas imagens de um corpo, acompanhadas de um áudio, indicando que a vítima tivesse sido morta em uma ação da PRF, em um desbloqueio de rodovia na manifestação atual dos transportadores de carga.

A imagem que foi divulgada é de um jovem, vítima de homicídio, na cidade de Capim Grosso (conforme foto do jornal).  A Polícia Rodoviária Federal esclarece que, durante o presente movimento, não houve registro de nenhuma morte nessas manifestações dos caminhoneiros.

Continuaremos acompanhando as manifestações, coibindo eventuais excessos, buscando a ordem pública e a segurança da população.

Polícia Rodoviária Federal
Superintendência da PRF na Bahia
Núcleo de Comunicação Social

PUBLICIDADE

COMUNICADO IMPORTANTE