NA ESTRADA - PRF registra redução no número de acidentes com vítimas na Operação São João 2018

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) na Bahia registrou, em números preliminares, uma redução de 56% nos óbitos, de 29% na quantidade de feridos e de 52% no número de acidentes.


Este é o resultado parcial da Operação São João 2018, iniciada na quinta-feira (21), compreendendo os cinco dias de deslocamentos de ida e volta para os festejos juninos em diversas cidades do interior do estado. A operação foi encerrada às 23h59 do dia 25.

No período do São João de 2017, entre os dias 22 e 26, a PRF registrou 96 feridos e 9 óbitos. Na ocasião, foram 105 acidentes contabilizados, sendo 27 considerados graves. Já em 2018, houve redução nesses índices, contabilizando em 50 os acidentes totais, sendo 15 considerados graves com 68 feridos graves e quatro óbitos. Os números de 2017 são informações consolidadas após término do período de retificações.

A presença ostensiva da fiscalização no trecho, principalmente nos locais considerados críticos, e o esforço no sentido de coibir as práticas mais danosas contribuem para entender essa redução. A fiscalização inibe o condutor infrator de exceder a velocidade, de ultrapassar em faixa contínua e de dirigir sob efeito de álcool, por exemplo, e ainda o induz a utilizar os equipamentos de segurança como cinto e capacete.

Deste modo, produziu-se o efeito de maior atenção na condução veicular, o que, consequentemente, diminuiu as chances de envolvimento em acidentes de trânsito, bem como minimizou sua letalidade.

FISCALIZAÇÃO

O esquema montado, que contou com reforço de policiais vindos de outros estados onde não há alteração significativa no fluxo nessa época do ano, resultou na fiscalização de 7.630 veículos e 7.987 pessoas.

Os esforços para reduzir os acidentes causados por ingestão de álcool na direção de veículos automotores resultaram na realização de 2.712 testes de etilômetro e na notificação de 61 motoristas com a condição psicomotora alterada. Quatro deles tinham concentração de álcool no sangue que configura crime de trânsito e, por esse motivo, foram autuados administrativamente e presos.

As ultrapassagens proibidas e o excesso de velocidade também foram infrações muito verificadas no período. Somente os radares portáteis operados por policiais capturaram 3.589 veículos acima da velocidade máxima permitida na via.

As ultrapassagens proibidas, sejam elas em faixa contínua, pelo acostamento ou forçadas, foram flagradas 758 vezes nos cinco dias. Já condutores ou passageiros sem cinto de segurança foi uma infração registrada 199 vezes e crianças sem cadeirinha 26.

EDUCAÇÃO PARA O TRÂNSITO

Dentre as ações desenvolvidas pela PRF durante a Operação Festejos Juninos 2018, destacam-se ações educativas, como o Cinema Rodoviário, que desenvolveu atividades nas rodovias federais com palestras e vídeos, alcançando 1.855 pessoas. Os PRFs orientaram condutores e passageiros a usarem o cinto de segurança e a terem uma postura defensiva em relação ao trânsito, principalmente quanto à direção segura, na fiscalização de excesso de velocidade, alcoolemia ao volante, ultrapassagens proibidas e envolvendo motocicletas e/ou ciclomotores.

COMBATE AO CRIME

Além dos bons resultados obtidos na fiscalização do trânsito e na redução de acidentes, a PRF promoveu, de maneira simultânea, o enfrentamento ao crime nas rodovias federais. As equipes apreenderam 2000 g de cocaína e 4 veículos adulterados. 

As abordagens resultaram ainda na recuperação de três veículos roubados e na prisão, ao todo, de 21 pessoas por crimes diversos, excluindo-se aí as quatro por embriaguez ao volante. (Com informações do Núcleo de Comunicação Social/PRF)                                                                                              

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Política de moderação de comentários:

A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro pelo conteúdo do blog, inclusive quanto a comentários; portanto, o autor deste blog reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal / familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.

Comments