SUDOESTE - Mulher com ‘barriga gigante’ morre no Hospital Regional de Guanambi

Imagem: Reprodução
Uma mulher, identificada como Daiane Maria de Oliveira, de 29 anos de idade, morreu na noite desta quarta-feira (27/6), após ficar internada 22 dias no Hospital Regional de Guanambi (HRG). A paciente ficou conhecida como a mulher da ‘barriga gigante’, resultado de uma de cirrose hepática, decorrente do uso excessivo de bebida alcoólica.


O caso ganhou repercussão depois que foi divulgado um vídeo nas redes sociais, onde Daiane fazia um apelo pedindo ajuda para o tratamento da doença. As informações são do Portal Vilson Nunes

A jovem chegou a receber tratamento no Hospital Aristídes Maltez, em Salvador, mas o transplante não foi possível, devido ao estado delicado de saúde dela.

Após um período a paciente retornou para Igaporã, e continuou sendo acompanhada pela Secretaria de Assistência Social, mas foi encaminhada para o Hospital Regional de Guanambi (HRG), após complicações de saúde, no entanto, ela não resistiu às complicações do quadro.

De acordo com informações obtidas pelo Portal Vilson Nunes, o corpo de Daiane foi sepultado na manhã desta quinta-feira (28).

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Política de moderação de comentários:

A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro pelo conteúdo do blog, inclusive quanto a comentários; portanto, o autor deste blog reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal / familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.

Comments