CONDENADO - Júri condena a 10 anos de prisão homem que matou mulher a facadas em Conquista

O Tribunal do Júri condenou, em Vitória da Conquista, a 10 anos de prião o réu Fernando Joel Pedroso de Castro, pelo assassinato de Lara Silva de Oliveira. O crime aconteceu em 29 de outubro de 2017, por volta das 23 horas, na Avenida Brumado, Bairro Brasil, com Fernando desferindo golpes de faca na vítima.



O julgamento, que deu início à pauta do segundo semestre, aconteceu nesta quarta-feira (4), no Fórum João Mangabeira. O réu, que se encontra preso há oito meses, foi condenado a dez anos de prisão, em regime inicial fechado.

No julgamento pelo Tribunal do Júri, atuou na acusação o promotor de Justiça José Junseira Almeida de Oliveira, que pediu a condenação do réu. Na defesa, atuou o defensor público Marco Aurélio Campos, que sustentou a tese desclassificatória de exclusão das circunstâncias qualificadoras, acolhida pelos jurados.

Ao final, o réu foi encaminhado ao Conjunto Penal de Vitória da Conquista para dar início ao cumprimento da pena. A sessão de julgamento foi presidida pelo juiz de direito Reno Viana Soares. (Fonte: Vara do Júri e Execuções Penais de Vitória da Conquista)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Política de moderação de comentários:

A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro pelo conteúdo do blog, inclusive quanto a comentários; portanto, o autor deste blog reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal / familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.

Comments