CONQUISTA - Vereadora Nildma e Associação de Surdos discutem sobre inclusão e acessibilidade

Em reunião com a vereadora Nildma Ribeiro (PC do B), nessa terça-feira (17), representantes da Associação de Surdos de Vitória da Conquista apresentaram um balanço das últimas atividades e solicitaram apoio do mandato a iniciativas que visem a inclusão do público surdo.



Segundo os membros da entidade, a proposta principal é contribuir no desenvolvimento de ações que contribuam para romper barreiras e superar dificuldades de comunicação, assim como facilitar o acesso dos surdos a todos os serviços disponíveis às pessoas ouvintes.

“Agradecemos a atenção da vereadora Nildma, que nos atendeu muito bem e acompanhou as nossas propostas para ajudar a melhorar a acessibilidade de todos. Esperamos que possamos ser atendidos para melhorar ainda mais a inclusão" disse o presidente da associação, Jose Carlos dos Santos, traduzido pela intérprete Kelly Cristina Alves.

Também estiverem presentes ao encontro no gabinete da vereadora, na Câmara Municipal, a coordenadora da associação, Gislane Santos e Letícia Aparecida Santos Pereira.

Nildma se comprometeu em avaliar cada uma das propostas da associação, mas de pronto se colocou à disposição para atender algumas das reivindicações, como espaço para encontros e reuniões dos membros.

A entidade ainda não possui sede própria Nildma também destacou a solicitação de uma sessão mista para que os demais parlamentares possam, também conhecer as reivindicações do grupo.

A Associação possui 75 pessoas surdas cadastradas em seus registros, mas dados fornecidos pela Prefeitura estimam que existam 471 pessoas nessa condição em Vitória da Conquista. Para dar suporte a esse grupo, em maio do ano passado foi reativada a Central de Interpretação de Libras (CIL).

O setor, cuja equipe atuava na sede do programa federal Estação Juventude, proporciona o atendimento de qualidade às pessoas com deficiência auditiva por meio de serviços de tradução e interpretação, além de facilitar o acesso a serviços públicos com a intermediação de intérpretes.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Política de moderação de comentários:

A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro pelo conteúdo do blog, inclusive quanto a comentários; portanto, o autor deste blog reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal / familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.

Comments