ARTIGO ESPECIAL - Transporte Público: a saga do trapalhão.

Quando a trapalhada é completa....!
Sobrando até para o partido...
MDB sofre danos às vésperas das Eleições.
Álvaro Souza "carboniza" o partido.

A sucessão de manchetes ilustra mostra muito bem a situação em que se encontra o transporte público em Vitória da Conquista e, por extensão, o MDB. Mas, o que isso tem a ver? veja o artigo abaixo e entenda!


O "trapalhão" Álvaro Souza, presidente do Sindicato dos Rodoviários e “elevado” membro do partido MDB, de Vitória da Conquista, vem conseguindo fazer aquela jogada conhecida no boliche como strike, ou seja quando todos os pinos são derrubados.

O sindicalista frusta os rodoviários e vem, magistralmente, constrangendo seu partido com tantos desorientações. Às vésperas de uma eleição, Álvaro transforma 517 famílias eleitoras em pedintes.  

Fala demais, e o faz de forma desconexa. Com isso, revelando um traço de incapacidade por não seguir uma lógica, regida pela ordem natural das coisas. Fere a lógica de estratégias sindicais, de política partidária e até mesmo de coisas corriqueiras da vida comum. Quem sabe podendo ser objeto de estudos, essas desorientações.

Fato que Álvaro peca em princípio básicos. Exemplo clássico é a de que "a distância mais curta entre dois pontos é uma linha reta”

Trinta dias se passaram e ele sacode de um lado a outro os 517 funcionários da Viação Vitória. Ora uma assembleia no sindicato, ora no terminal, nos portões da garagem, ou com supostos empresários “escondidos em quartos de hotéis” e até com o prefeito Herzem Gusmão (MDB). 

Sem contar as 1001 chamadas que ele faz  nos grupos de Whatsapp prometendo o mundo aos 517 funcionários.

Fala-se até em abertura de INVESTIGAÇÃO nas entranhas do SINTRAVC, com quebra de sigilo bancário do presidente, seus direitos e ex-diretores. O gatilho, quem deverá acionar, serão os vereadores. A pergunta é: ATINGIRÁ O MDB de Vitória da Conquista?

Pasme o leitor, até um tal lay off * já esteve em seu “cardápio”.  Qualquer coisa que alguém solta no ar ele está pegando. Em seguida, sai replicando tudo porque insiste em buscar contornos, ao passo que deveria seguir uma lei reta.

            N.R. *Lay off é a suspensão temporária do 
           contrato de trabalho. Diferente da demissão, 
           o lay off é um afastamento do funcionário por 
           um prazo determinado, que vai de 2 a 5 meses, 
           em que ele continua à disposição da empresa.

Agora Álvaro deseja fazer o que há muito deveria ter feito. A diferença é que o modo como planeja fazer nesse momento muda todo o sentido natural dos fatos e, novamente, ele continua tropeçando.


Dessa vez ele planeja humilhar os 517 funcionários, levando-os para os portões da garagem da Viação Cidade Verde. Com isso, pretende constranger o prefeito; o partido de ambos, MDB e a própria Cidade Verde, empresa que Álvaro mesmo marginalizou, escondendo dos funcionários a Viação Cidade Verde como solução. (VÍDEO ACIMA)

A pergunta que fica é: Será que o partido MDB são todas as trapalhadas que Álvaro representa?


 Vídeo: Blog do Anderson/23.06.2018

MATÉRIAS RELACIONADAS (CLIQUE PARA LER)

VIAÇÃO VITÓRIA - Mutirão para dar baixa nas carteiras de trabalho

RACHA SINDICAL (ARTIGO) - Presidente do Sindicato dos Rodoviários nega revisão salarial para a categoria e pode ser destituído


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Política de moderação de comentários:

A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro pelo conteúdo do blog, inclusive quanto a comentários; portanto, o autor deste blog reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal / familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.

Comments