ECSTASY - Empresário de Conquista preso por tráfico de drogas; Ecstasy seria vendido em quiosque no Festival de Inverno Bahia

A Polícia Civil, através da equipe da DTE ( Delegacia de Tóxicos e Entorpecentes ) efetuou na presente data, a prisão em flagrante de Glauber Menezes de Oliveira, vulgo Binho, de 32 anos, acusado do crime de tráfico de drogas. Na delegacia ele escondeu o rosto para não ser fotografado de frente, mas a fotografia dele viralizaram nas redes sociais logo após a prisão.

Os investigadores da Delegacia especializada, após investigações, efetuaram uma busca no restaurante Pisa na Fulô, de propriedade do acusado, localizado no bairro São Vicente.
Os civis encontraram e apreenderam maconha e dezenas de comprimidos de ECSTASY para venda, sendo em seguida realizada uma busca no apartamento de BINHO , localizado na Av. Luis Eduardo Magalhães, no bairro Candeias.
No local também foram localizados e apreendidos maconha, um veículo Hyundai Veloster, usado no tráfico e uma coleção de relógios de marcas, sem notas fiscais, sendo o autor apontado nas investigações da DTE como grande fornecedor de ECSTASY em Vitória da Conquista.

Segundo a polícia, a droga seria comercializada no Festival de Inverno, onde o autor instalou um "quiosque" do restaurante Pisa na Fulô.
Após ser interrogado na DTE, onde confessou a  propriedade das drogas,  o preso foi encaminhado para o Conjunto Penal de Conquista,  onde está custodiado à disposição da Justiça. A defesa não se manifestou.

Fonte:  DTE / DRACO - Vitória da Conquista

Comments