Comunicado Toyota Diamantina

NOVOS ÔNIBUS, VELHOS PROBLEMAS - Cidade Verde investe em veículos, mas caos ainda persiste


Novos ônibus, velhos problemas. Diante da crise instalada pela falência da Viação Vitória, a Cidade Verde empenhou palavra e adquiriu novos veículos para socorrer o combalido transporte público em Vitória da Conquista. Ainda assim, os velhos problemas continuam afligindo os mais de 90 mil usuários diários.



Os ônibus por si só não responderiam aos anseios da população. Tão logo a frota cruza dos portões da garagem, dezenas de funcionários são convocados para viabilizar cada detalhe. Do contrário, outra manhã em que centenas de conquistenses que continuariam a não ter mais estes ônibus.




Uma operação de guerra, conforme relatamos em editorial anterior. Muitos não sabem, mas chegando os ônibus, eles precisam de alguém para programar os itinerários eletrônicos com as linhas. Outro deve puxar o chicote elétrico para viabilizar a bilhetagem eletrônica.




Sem ela, por exemplo, não funcionariam o vale transporte e o passe escolar. Outro configura os aparelhos denominados de validador. Simultaneamente esses carros precisam ser reconhecidos pelo servidor central, que comanda toda a bilhetagem que movimenta a cidade. leia-se ATUV. 

Outros lavam, pintam ou retocam, aplicam adesivos, conferem itens de segurança e, por fim, a limpeza fina interna. Podemos dizer que gradativamente os serviços serão restabelecidos a julgar pela capacidade de resposta que a Viação Cidade Verde demonstra juntamente com o seu banco de talentos humanos. 

Agora é aguardar que o governo municipal caminhe em sincronia, já que ele detém o monopólio do serviço, apesar de permanecer de braços cruzados, à espera de dias melhores. Eles podem chegar com o investimento da Cidade verde, mas os velhos problemas, estes, sim, continuam.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Política de moderação de comentários:

A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro pelo conteúdo do blog, inclusive quanto a comentários; portanto, o autor deste blog reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal / familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.

Comments