TRIBUNA LIVRE | Presidente do Simmp denuncia que Prefeitura cortou salários de professores, que agora estão “passando necessidades”

Imagem TRIBUNA LIVRE: Presidente do Simmp denuncia que Prefeitura cortou salários de professores, que agora estão “passando necessidades”
Durante a sessão ordinária da Câmara Municipal de Vitória da Conquista (CMVC), na manhã desta quarta-feira, 12, o espaço da Tribuna Livre foi ocupado pela presidente do Sindicato do Magistério Municipal Público (Simmp), Ana Cristina Novais, que denunciou um corte do Governo Municipal nos salários dos professores grevistas.
“Nós fizemos uma greve legal, chamada dentro da legalidade e mesmo assim, com a possibilidade da reposição das aulas, a gente teve os salários cortados”, disse ela. “Além de cortar o salário foi cortado também o vale-alimentação”, emendou.

De acordo com a sindicalista, esta é uma medida punitiva do prefeito Herzem Gusmão contra a categoria. “É mais uma medida punitiva para punir aqueles que estavam lutando para não ter seu plano de carreira quebrado”, disse Novais.
De acordo com a presidente do Simmp famílias estão tendo dificuldades para honrar seus compromissos devido ao corte. “Tem famílias passando necessidades”, apontou ela, informando que o Simmp está arrecadando alimentos, bem como uma feijoada beneficente e passando um “Livro de Ouro”. 

A feijoada acontecerá no próximo sábado, com cada bilhete custando R$ 10. “Se de um lado cresce o autoritarismo do outro lado cresce a solidariedade”, disse ela agradecendo à sociedade pela solidariedade com os professores, comprando bilhetes do evento, bem como realizando doações de alimentos.
Ainda em seu pronunciamento, Ana Cristina Novais avaliou esse tipo de prática adotada pelo Governo Municipal já deveria ter sido ultrapassada. “Essa prática de guerra nefasta já deveria ter sido ultrapassada. O que se instalou em Vitória da Conquista, é a barbárie? Isso é muito grave!”, alertou a sindicalista. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Política de moderação de comentários:

A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro pelo conteúdo do blog, inclusive quanto a comentários; portanto, o autor deste blog reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal / familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.

Comments