DIGITAL PIMENTAS

ESPORTE | Atleta conquistense de MMA representa o Brasil na final do Grand Prix

O atleta baiano de MMA Rony Silva representou Vitória da Conquista, a Bahia e o Brasil na 5° Edição Porto Fight Club, no último final de semana, 9. Rony atravessou o Atlântico para lutar o Grand Prix na cidade de Porto-Portugal.

Após dois anos sem lutar, ele venceu o adversário por nocaute técnico, aos 4m59s do segundo round e conquistou a vaga na final do Grand Prix, que será realizada dia 3 de agosto deste ano.O adversário de Rony Silva será o francês Abdoulaye Seye.

A Ct Esparta, equipe do sensei Rony Silva, agradece a todos os apoiadores e patrocinadores. "Vocês ajudaram a tornar um grande sonho em realidade, e o apoio de vocês foi e será fundamental para que continuemos a realizar este sonho", destacou a equipe, em nota.

"Mas para o prosseguimento deste trabalho precisamos do apoio dos leais patrocinadores e de novos patrocinadores, além de entidades públicas e privadas para mantermos esse sonho vivo e representar a nossa cidade, nosso estado e nosso país na grande final, dia 9 de agosto de 2019 em Porto, Portugal", finaliza.

Para mais informações, siga o Ct Esparta no Instagram (clique na imagem abaixo)

Foto do perfil de ct.esparta

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Política de moderação de comentários:

A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro pelo conteúdo do blog, inclusive quanto a comentários; portanto, o autor deste blog reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal / familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.

Comments