AUTO & MOTO | Testamos o All New Corolla 2020 em Vitória da Conquista


O futuro chegou. E já está nas ruas de Vitória da Conquista... também, assim como em todo o país. E, se o futuro veio na forma de um carro, ele é o All New Corolla 2020, o híbrido da Toyota que está fazendo a concorrência comer poeira. Em todos os sentidos.


Os olhares em direção ao veículo, por onde ele passava e o forte desejo do cliente de outras marcas de mudar para o Corolla, reforçam tudo o que já havíamos registrado.



A relação entre o consumidor da região Sudoeste da Bahia e o All New Corolla 2020 começou em 12 de setembro, quando a concessionária Diamantina Veículos apresentou o modelo à imprensa e convidados.


Pronto. Definitivamente foi amor à primeira vista durante o lançamento comercial, com a décima segunda geração do sedã completamente revisitada. Mais do que nunca estava, também, mantida a  (folgada) liderança no segmento de sedãs médios.

Fomos para as ruas, avenidas e estradas de Conquista testar o renovado Corolla 2020. Escolhemos a versão Altis Hybrid, recheada de itens de segurança jamais vistos no segmento. O modelo mais caro - Altis Hybrid - incluindo o pacote Premium, pode chegar a R$133.240,00*.

Resultado de imagem para bancos corolla 2020

A Toyota ampliou a garantia de 3 para 5 anos nos modelos 2.0, sendo que as versões Hybrid ainda têm mais 3 anos de cobertura (8 no total) para o sistema híbrido. O novo Corolla tem tudo para agradar a quem opta pela modelo e ainda conquistar novos adeptos para ampliar sua liderança no segmento.

O Corolla híbrido oferece, além dos cinco anos, três anos de garantia adicionais, totalizando 8 anos.

O destaque ficou para o consumo: 14,5 km/l na estrada e 16,3 km/l na cidade com gasolina, no padrão Inmetro. Com etanol, no mesmo padrão, são 9,9 km/l no ciclo rodoviário e 10,9 km/l no urbano.

A Toyota também revelou a aferição em percurso urbano de acordo com os parâmetros do Instituto Mauá: 20,8 km/l. 

A equipe de testes comprovou este dado, para alegre surpresa dos que perguntavam aos jornalistas sobre o modelo utilizado. A grande procura gera fila de espera. Vale a pena!

A versão avaliada pela equipe do Sudoeste Digital conta com faróis dianteiros em LED e pacote de segurança ativa Toyota Safety Sense, que inclui Sistema de Alerta de Mudança de Faixa (Lane Departure Alert – LDA), Controle de Velocidade de Cruzeiro Adaptativo (ACC), Farol Alto Automático (Auto High Beam – AHB), e Assistente de Pré-Colisão (Pre-Crash System – PCS) com alerta sonoro e visual e, se necessário, frenagem automática (comandos podem ser controlados também pelo volante).

Além disso, o modelo Altis híbrido já tinha incluso o pacote premium (opcional) composto por: ar-condicionado automático Dual Zone com sistema S-Flow, banco do motorista com regulagem elétrica para oito ajustes (altura, distância, inclinação ou altura com distância), espelhos retrovisores externos eletro-retráteis com regulagem elétrica e rebatimento automático ao fechar o veículo, teto solar elétrico, limpador do pára-brisa com sensor de chuva e faróis e lanternas traseiras em LED.

Em rápidas palavras, essa décima segunda geração é construída sobre a base TNGA, possibilitando que o Corolla tenha pela primeira vez uma versão híbrida. Traduzido do inglês, a Toyota New Global Architecture (TNGA) é uma plataforma que acomoda diferentes tamanhos de veículo e também configurações de tração dianteira, traseira e em todas as rodas.

Além de incorporar o powertrain híbrido, a nova construção do sedã aumentou a rigidez dele em 60 %. A marca garante nota máxima nos crash tests do Latin NCAP.

toyota corolla 2020 altis hibrido 30

O Corolla Hybrid usa a mesma transmissão CVT com engrenagens do Prius (QUE JÁ FOI TESTADO POR NÓS), com os dois motores elétricos acoplados (um deles substitui o motor de arranque). Controlado por uma central eletrônica, este transeixo combina a potência produzida pelo motor a combustão e os elétricos.

Para reduções antes de curvas ou em descidas de serra, pode-se usar a posição B do câmbio, que aumenta o freio motor. Usando etanol, o Corolla híbrido flex é o carro mais eficiente do mercado nacional (exceto pelos 100% elétricos), com 1,38 MJ/km e emissão de apenas 29 g de CO2 por km rodado.

A estrutura TNGA também trouxe outros benefícios ao sedã, como a carroceria 60% mais rígida (incluindo mais pontos de solda) e o centro de gravidade 10 mm mais baixo. A suspensão traseira de eixo de torção foi trocada por uma mais sofisticada, independente do tipo double wishbone, e com amortecedores inclinados para menor repasse de impactos à cabine.

A dianteira manteve o conceito McPherson, mas recebeu novos braços e nova geometria visando a redução de atrito (que ficou cerca de 40% menor tanto na frente quanto atrás). A direção manteve a caixa elétrica, mas com nova calibração, enquanto os retrovisores foram colocados nos painéis de porta, melhorando a visibilidade em conjunto com as colunas dianteiras mais finas.

Com dimensões muito semelhantes às do Corolla anterior, o novo sedã entrega praticamente o mesmo espaço interno de antes, enquanto o porta-malas manteve os 470 litros (mesmo na versão híbrida). Ou seja, continua atendendo bem a uma família de quatro integrantes. Assim como no design externo, a cabine evoluiu, mas não deixou de ser Corolla.

O desenho horizontal do painel e os principais comandos são familiares aos donos do antigo modelo, mas o acabamento está mais refinado e os bancos estão mais confortáveis.

ITENS DE SEGURANÇA - A Toyota priorizou (ainda mais) os itens de segurança, trazendo o sistema Safety Sense (de série na versão Altis, tanto 2.0 quanto 1.8 híbrida). O recurso dispõe de uma câmera no para-brisas e um radar milimétrico na grade (atrás do logotipo) para monitorar o trânsito à frente e oferecer controlador de velocidade adaptativo (ACC), frenagem automática de emergência, assistente de saída de faixa e farol alto automático.

Confira a exclusiva Galeria de Imagens















FICHA TÉCNICA: Corolla Altis Premium 1.8 Hybrid

MOTOR combustão: dianteiro, transversal, quatro cilindros, 16 válvulas, 1.798 cm3, comando duplo variável, flex; dois motores elétricos (MG1 e MG2)

POTÊNCIA/TORQUE combustão: 98/101 cv a 5.200 rpm; torque 14,5 kgfm a 3.600 rpm; elétricos: 72 cv e 16,6 kgfm

TRANSMISSÃO transeixo com CVT, tração dianteira

SUSPENSÃO independente McPherson na dianteira e independente double wishbone na traseira

RODAS E PNEUS liga-leve aro 17" com pneus 225/45 R17

FREIOS discos ventilados na dianteira e sólidos na traseira, com ABS e ESP

PESO 1.445 kg em ordem de marcha

DIMENSÕES comprimento 4.630 mm, largura 1.780 mm, altura 1.455 mm, entre-eixos 2.700 mm

CAPACIDADES tanque 43 litros, porta-malas 470 litros

PREÇO DO MODELO AVALIADO R$133.240,00* (R$130.990 - pintura sólida).

Postar um comentário

0 Comentários